TCGL - Transportes Coletivos Grande Londrina

COMPROMISSO COM VOCÊ!

Home

Informativos

Publicado em 11/09/2015 03:11

SETEMBRO LILÁS

Campanha de Conscientização sobre o Alzheimer em Londrina. Confira mais informações.

 

 

Palestras, oficinas de artesanato e exibição de filmes fazem parte da programação

Prefeitura de Londrina, através das secretarias municipais do Idoso e da Saúde, participa neste ano da campanha Setembro Lilás, cujo tema é “Não me esqueças”. O movimento, que ocorre em vários países, tem como principal objetivo conscientizar a população sobre a doença de Alzheimer. Em Londrina, estão programadas para o decorrer do mês atividades como palestras, oficinas de artesanato e exibição de filmes, além do V Simpósio Assistência Integral e de Qualidade a Idosos. Com exceção do simpósio, a participação em todos os eventos é gratuita e as atividades são direcionadas ao público em geral:

De acordo com a secretária do Idoso, Maria Inez Mazzer Barroso, a parceria entre secretarias municipais e estaduais, instituições acadêmicas, e grupos da sociedade civil mostra a relevância do tema e a importância de divulgar informações sobre a doença. “A campanha pretende mostrar que o Alzheimer está presente no dia a dia de muitas pessoas e como essa doença tem se manifestado cada vez mais devido ao aumento da taxa de idosos na população. é preciso saber quais são os sintomas, que cuidados devem ser tomados, como ajudar e como contribuir para a qualidade de vida do portador”, explicou.

Como parte da programação do Setembro Lilás, a Secretaria de Saúde irá promover algumas oficinas-palestras. A assistente social e gerontóloga da Saúde, Liz Clara Campos, explicou que a doença é uma questão de saúde pública, portanto há um trabalho desenvolvido na Policlínica com os portadores e seus cuidadores. “Temos o Grupo de Cuidados de Idosos, um trabalho de suporte feito com os familiares do paciente e o grupo Memória e Comunicação, voltado ao portador de Alzheimer. Além de orientar, refletir e informar os familiares, estimulamos e desenvolvemos algumas habilidades no idoso com a doença.”

Para a enfermeira docente da Universidade Estadual de Londrina (UEL), integrante do Grupo de Estudos sobre o Envelhecimento (GESEN) que coordena a campanha na cidade, Mara Solange Gomes Dellaroza, a divulgação e o conhecimento sobre Alzheimer são essenciais para um rápido diagnóstico e tratamento. Ela afirma que sinais como perda frequente de memória, e esquecimentos repetitivos que prejudiquem a rotina da pessoa devem ser verificados o quanto antes. “Qualquer profissional da área da saúde pode fazer uma avaliação inicial e se houver alguma suspeita ou alteração nos exames e testes, o paciente é encaminhado para especialistas, que pode ser um geriatra, neurologista, ou outro profissional da área de saúde mental”, orientou.

As oficinas e palestras da campanha têm vagas limitadas. As inscrições devem ser feitas com antecedência pelos telefones (43) 3337-8826 e (43) 3347-8714.

Fonte: N.Com

 

 

Palestras, oficinas de artesanato e exibição de filmes fazem parte da programação

Prefeitura de Londrina, através das secretarias municipais do Idoso e da Saúde, participa neste ano da campanha Setembro Lilás, cujo tema é “Não me esqueças”. O movimento, que ocorre em vários países, tem como principal objetivo conscientizar a população sobre a doença de Alzheimer. Em Londrina, estão programadas para o decorrer do mês atividades como palestras, oficinas de artesanato e exibição de filmes, além do V Simpósio Assistência Integral e de Qualidade a Idosos. Com exceção do simpósio, a participação em todos os eventos é gratuita e as atividades são direcionadas ao público em geral:

Clique na imagem para ampliar
http://londrinatur.com.br/fotos/rte/CampanhaSetembroLilasProgramacao.png

A programação também está disponível na página oficial do evento:https://www.facebook.com/setembrolilas.

De acordo com a secretária do Idoso, Maria Inez Mazzer Barroso, a parceria entre secretarias municipais e estaduais, instituições acadêmicas, e grupos da sociedade civil mostra a relevância do tema e a importância de divulgar informações sobre a doença. “A campanha pretende mostrar que o Alzheimer está presente no dia a dia de muitas pessoas e como essa doença tem se manifestado cada vez mais devido ao aumento da taxa de idosos na população. é preciso saber quais são os sintomas, que cuidados devem ser tomados, como ajudar e como contribuir para a qualidade de vida do portador”, explicou.

Como parte da programação do Setembro Lilás, a Secretaria de Saúde irá promover algumas oficinas-palestras. A assistente social e gerontóloga da Saúde, Liz Clara Campos, explicou que a doença é uma questão de saúde pública, portanto há um trabalho desenvolvido na Policlínica com os portadores e seus cuidadores. “Temos o Grupo de Cuidados de Idosos, um trabalho de suporte feito com os familiares do paciente e o grupo Memória e Comunicação, voltado ao portador de Alzheimer. Além de orientar, refletir e informar os familiares, estimulamos e desenvolvemos algumas habilidades no idoso com a doença.”

Para a enfermeira docente da Universidade Estadual de Londrina (UEL), integrante do Grupo de Estudos sobre o Envelhecimento (GESEN) que coordena a campanha na cidade, Mara Solange Gomes Dellaroza, a divulgação e o conhecimento sobre Alzheimer são essenciais para um rápido diagnóstico e tratamento. Ela afirma que sinais como perda frequente de memória, e esquecimentos repetitivos que prejudiquem a rotina da pessoa devem ser verificados o quanto antes. “Qualquer profissional da área da saúde pode fazer uma avaliação inicial e se houver alguma suspeita ou alteração nos exames e testes, o paciente é encaminhado para especialistas, que pode ser um geriatra, neurologista, ou outro profissional da área de saúde mental”, orientou.

As oficinas e palestras da campanha têm vagas limitadas. As inscrições devem ser feitas com antecedência pelos telefones (43) 3337-8826 e (43) 3347-8714.

Fonte: N.Com